<novembro de 2017>
domsegterquaquisexsáb
2930311234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293012
3456789

» Pesquisar:


» Em que área gostaria de ver mais Intervenção





Número de Visitas:  0091551

» Desenvolvido por:
Heráldica

O Brasão, prerrogorativa a que a vila de Cabeço de Vide teve direito como sede de concelho, era constituído por um castelo com três torres envolvidas por dois fartos ramos de parreira, que nascem do mesmo tronco.

Este brasão, desenhado talvez no século XVI, pretende explicar a origem do topónimo Cabeço de Vide e a sua fundação junto ao castelo.

Depois da lei de 1991 sobre o direito heráldico das autarquias, foi outorgado pela Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses, em 17 de Fevereiro de 1999, um novo ordenamento, onde se mantiveram as duas vides em orla das armas primitivas, representativas da segunda parte do topónimo da Vila. As alterações produzidas realçam e reforçam o aspecto simbólico do brasão da Vila: a ponta do escudo é ocupada por um cômoro, representando o Cabeço correspondente à primeira parte do topónimo da Vila; o castelo é substituído por uma fonte alusivo à existência e à siginificância das Termas Sulfúrea.

 
Data de
 

» Mensagem do Presidente




» Farmácias de Serviço


» Meteorologia

» Para Hoje